MENU
Terça-feira, 27 de Outubro de 2020

Três Passos confirma morte de três idosos que residiam em asilo por Covid-19

Três Passos confirma morte de três idosos que residiam em asilo por Covid-19

Compartilhe

Foi confirmada na manhã dessa quinta-feira,19, mais três mortes por Covid-19 em Três Passos. Os três pacientes idosos era assistidos e um asilo no município. No local, há um surto de Covid-19 e foi realizada uma testagem em massa nos últimos dias.
Com estes casos confirmados, Três Passos chega a 18 óbitos desde o início da pandemia. Neste momento, são 980 casos confirmados, 929 pacientes considerados recuperados e 18 óbitos. O número de casos ativos da doença está em 33.

Detalhe sobre os óbitos:

  • Óbito 16º
    – Paciente, sexo masculino, 89 anos.
    – Faleceu no dia 15 de setembro.
    – Coleta realizada do exame pela Unidade Sentinela no dia 10 de setembro.
    – Internou no Hospital de Caridade no dia 12 de setembro, com sintomas.
    – Resultado positivo do exame tipo RT-PCR para Covid-19 vindo do Laboratório Central do Estado (LACEN) no dia 16 de setembro à noite.
    – O paciente possuía comorbidades neurológicas e hipertensão.
  • Óbito 17º
    – Paciente, sexo masculino, 78 anos.
    – Coleta para o exame RT-PCR realizada no dia 10 de setembro pela Unidade Sentinela.
    – Falecimento no dia 16 de setembro, na própria instituição.
    – O resultado do exame do LACEN veio no dia 16 de setembro, sendo positivo para coronavírus.
    – Comorbidade: Parkinson.
  • Óbito 18º
    – Paciente, sexo feminino, 93 anos.
    – Internou no dia 09 de setembro, no Hospital de Caridade.
    – Tomografia realizada no hospital que diagnosticou pneumonia compatível com Covid-19.
    – Exame tipo RT-PCR coletado e enviado para o LACEN, com resultado negativo para Covid-19.
    – Falecimento no dia 16 de setembro, no hospital.
    – O Centro de Operações de Emergência (COE), comitê que analisa e atua especificamente em casos relacionados ao novo coronavírus, confirmou neste dia 17 de setembro, o óbito da paciente por Covid-19, considerando o critério clínico-imagem com vínculo epidemiológico, ou seja, a tomografia diagnosticou pneumonia decorrente de Covid-19, e a idosa esteve na presença de outro caso confirmado. Também, o COE levou em consideração que o exame foi coletado com quadro de sintomas a mais de 7 dias.