MENU
Sexta-feira, 15 de Outubro de 2021

Médico de Santo Augusto é transferido para Hospital de Porto Alegre

Médico de Santo Augusto é transferido para Hospital de Porto Alegre

Compartilhe

Atuante na linha de frente no combate à pandemia do novo coronavírus em Santo Augusto, o Dr. Florisbaldo Polo acabou contraindo a doença. De acordo com informações, ele internou no Hospital Bom Pastor na última terça-feira, 16. Na sexta-feira, 19 de março, chegou a passar por exames em Ijuí. E durante o último domingo seu quadro se agravou, fazendo com que o profissional precisa-se de atendimento especializado.

Na manhã desta segunda-feira, 22 de março, Dr. Flores, como é conhecido na comunidade, foi transferido para a Santa Casa de Misericórdia, em Porto Alegre, para dar continuidade ao seu tratamento. De acordo com informações, ele foi conduzido até Santo Ângelo de ambulância e de lá foi levado à Capital de avião.

Segundo informações, ele estava apresentando vários episódios de pico febril, além de muita tosse e uma leve redução na oximetria. “Ele estava sendo atendido por uma equipe multidisciplinar, adotando, inclusive, várias condutas novas e mesmo assim o quadro não apresentava melhoras. Com isso, ele foi transferido para o Hospital de Porto Alegre, onde irá ocupar um leito clínico, visto que ainda não há necessidade de uma UTI. Porém, se necessário ele já estará no hospital e assim fica mais fácil de conseguir”, explicou a diretora do Hospital Bom Pastor, Marilei Andrighetto.

O médico estava isolado desde o 08 de março, quando apresentou os sintomas da doença. Em entrevista ao Jornal O Celeiro, ele disse que acredita ter se contaminado em uma noite de plantão no Hospital Bom Pastor. “Logo após ter tido dois plantões seguidos no hospital, onde tinha muitos pacientes graves com Covid. Eu estava muito cansado e acredito que tenha baixado minha imunidade. Eu fiz o tratamento precoce e agora estou fazendo a segunda fase internado. Creio que estou com esse novo coronavírus chamado P1 . É bem mais grave do que o outro”, comentou.

No momento da saída do Dr. Flores até a ambulância, a equipe do Hospital se reuniu e fez um corredor de aplauso, como símbolo de reconhecimento pelo seu trabalho desenvolvido dentro da casa de saúde. Marilei também reforçou que o quadro é considerado grave e pediu que a comunidade realize orações em prol da recuperação da saúde do médico.

Conforme informações, ele chegou a fazer as duas doses da vacina Coronavac, porém, não houve tempo suficiente para desenvolver a imunidade necessária.

error: Content is protected !!