MENU
Domingo, 27 de Setembro de 2020

Internet: você está usando-a de forma segura?

Internet: você está usando-a de forma segura?

Compartilhe

O uso da internet já faz parte do nosso cotidiano. Aprendemos usá-la e nos apropriamos dela. Em um primeiro momento (anos 80 e 90) éramos espectadores que só consumíamos informações prontas que nos eram repassadas. Com o surgimento de ferramentas de criação e edição, nos tornamos produtores de conteúdos e de experiências na rede.
No momento em que produzimos usando a internet, seja em forma de textos, imagens e ou vídeos, estamos nos expondo, mostrando o que pensamos e como somos. Essa exposição pode ser muito positiva, com ela temos a possibilidade de mostrar nosso modo de pensar e agir. Mas também, por outra perspectiva, ela deve ser rodeada de cuidados para nós, nossos filhos, nossos idosos e demais pessoas que amamos para não ficarmos suscetíveis a golpes, ameaças, invasão de privacidade, Cyberbullying, preconceitos raciais, Fake News…
Podemos e devemos tomar alguns cuidados:
Pense bem antes de postar algo na internet, considere a velocidade de disseminação de informações na rede. Podemos remover ou apagar o que postamos, mas não temos como saber, nem evitar, que sejam feitas cópias antes do conteúdo ser deletado (prints). –
Não poste, não comente, não compartilhe conteúdos que prejudiquem você ou outras pessoas.
Tome cuidado com estranhos ou pessoas que você conhece apenas na internet.
Não forneça dados pessoais, como endereço e telefone e nunca marque encontros com desconhecidos.
Peça ajuda se alguém estiver incomodando você no ambiente digital ou denuncie o perfil. Todas as redes sociais oferecem essa possibilidade.
Não clique em links desconhecidos.
Proteja a sua privacidade, mantenha um perfil privado nas redes sociais.
Use senhas seguras e procure alterá-las de tempos em tempos, mantenha seus equipamentos sempre atualizados e use mecanismos de segurança, como antivírus.
Não digite códigos em seu celular fornecidos por pessoas estranhas ou até mesmo conhecidas antes de certificar-se se foi ela mesma que mandou.
Não empreste ou peça dinheiro usando aplicativos de celular, normalmente é uma forma que os golpistas usam para te roubar.
Tome cuidado ao publicar fotos suas ou de seus familiares, inclusive seus filhos ou amiguinhos deles (certifique-se que a família do amigo autoriza essa publicação).
Também dê atenção aos relacionamentos virtuais com amigos e colegas de escola (grupos de turmas), assim poderá ajudar a identificar e evitar possíveis casos de Cyberbullying.
Os idosos têm sido o grande alvo dos golpistas de plantão, pois assim como as crianças, em sua maioria, são ingênuos, e não percebem que podem ser enganados. Indiferente de quem esteja fazendo uso da internet, o importante é orientar e alertar dos possíveis riscos e, sempre que possível, acompanhar o seu uso, para que possamos continuar a usufruir, com segurança, das inúmeras oportunidades que a internet nos traz.
Professora Lilian Baungratz de Oliveira
Especialista em Informática Aplicada À Educação

error: Content is protected !!