MENU
Quarta-feira, 01 de Dezembro de 2021

Governo do RS determina retorno presencial obrigatório a todas as redes de ensino

Foto: Itamar Aguiar/ Palácio Piratini/CP

Governo do RS determina retorno presencial obrigatório a todas as redes de ensino

Compartilhe

O governo gaúcho determinou, nesta quarta-feira, o retorno obrigatório das aulas presenciais nas escolas do Rio Grande do Sul. A medida vale para estudantes da Educação Básica, que inclui educação infantil, ensino fundamental e ensino médio, de todas as redes de ensino do Estado. O governo estadual, no entanto, ainda não divulgou a data de início da medida.
“As crianças e adolescentes não estão isolados em casa. Estão interagindo e participando da sociedade. Portanto, não adianta apenas restringir a interação deles na escola. A escola é onde muitos têm acesso à alimentação e onde o processo de aprendizagem é mais efetivo”, ressaltou o governador Eduardo Leite.
Em casos de excepcionalidade, como condições médicas específicas e comorbidades, será autorizada a continuidade das atividades escolares do estudante em regime remoto. O detalhamento dessas exceções será debatido entre as equipes das secretarias da Educação e Saúde e, posteriormente, publicado em decreto. De acordo com o Piratini, a solicitação de retorno de todos os estudantes no regime presencial também foi feita pelos representantes das redes municipais e particulares.
“A escola não é foco de contaminação, ela reflete a condição da comunidade em que está inserida. Precisamos desse retorno pela questão pedagógica, cada dia é importante para os estudantes. Quanto mais tempo sem a escola, mais difícil é trazer os jovens de volta”, disse a secretária da Educação, Raquel Teixeira.
Mudança de protocolo nos estádios da dupla Gre-Nal
O Gabinete de Crise acatou, nesta quarta-feira, o pedido de Inter e Grêmio para abertura das arquibancadas, sem demarcação de assentos, às torcidas organizadas.
O limite de 30% de ocupação dos estádios – que é o protocolo vigente para competições esportivas com mais de 2,5 mil pessoas – segue sem alteração. A autorização excepcional será informada aos dois clubes e passa a valer de forma imediata.
Fonte: Correio do Povo

Para participar do grupo de WhatsApp clique aqui.

error: Content is protected !!