MENU
Terça-feira, 25 de Janeiro de 2022

Cidade da Produtividade completa 56 anos

Cidade da Produtividade completa 56 anos

Compartilhe

A área que hoje forma o município de Chiapetta pertencia a Santo Ângelo. O povoado inicialmente denominou-se Sede Vitória. Como a colonização inicial foi feita pela família Chiapetta, o nome foi mudado para homenageá-la. O nome Chiapetta, tem sua origem na figura de Carlos Chiapetta.

A emancipação de Chiapetta foi no ano de 1965, criado em 15 de dezembro. A propósito do 56° aniversário de emancipação político-administrativa do município, o prefeito Eder Luis Both relatou sobre sua vida política.

 

Descreva sua biografia Prefeito.

EDER LUIS BOTH, casado com Fernanda Maçalai Both, pai de 3 filhos (Natasha, Davi e Tales), é graduado em Informática – Sistemas de Informação pela UNIJUI, pós MBA Executivo em Negócios pela UNOPAR, trabalhou de 1998 a 2016 junto as empresas HPR e BKR SISTEMAS, desenvolvendo sistemas de gestão para centenas de empresas e prefeituras, vereador em Chiapetta de 2008 a 2016, desde 2017 prefeito do município onde atualmente exerce seu segundo mandato.

Qual é avaliação nesse primeiro ano do mandato?

Posso dizer que, apesar das dificuldades vividas durante o ano, especialmente quanto a pandemia do Corona vírus, foi um ano positivo em termos de administração. Muitos projetos que estavam em andamento, e não puderam ser concluídos no ano anterior devido a situação mundial, nesse ano foram entregues. Assim, já arrancamos o ano entregando equipamentos, iniciando obras, e encaminhando novos projetos num ritmo muito acelerado. Fizemos remanejamentos necessários na equipe, visando manter o que vinha bem e melhorar o que era necessário, e agora, ao lado do nosso vice-prefeito Jorge Rochinheski e de toda a equipe, e com muito mais experiência, temos a certeza de que muitas conquistas ainda entregaremos para nossa comunidade ao longo dos próximos anos.

Quais as principais dificuldades encontradas neste ano?

Certamente a pandemia. Lá no início deste ano, quando todos pensávamos que o problema estava quase superado, e a vida voltaria ao normal, veio a nova variante e pegou a todos de uma forma muito violenta. Perdemos pessoas queridas, as quais sentimos muita falta, de uma maneira muito rápida, nem parecia ser verdade. Mas temos que levantar a cabeça e seguir em frente, agradecendo a Deus por todos que sobreviveram e pelo tempo que tivemos de convivência com os que partiram, e valorizar a vida e as coisas boas que nos são oferecidas todos os dias.

Quais as melhorias já feitas no município nesse período?

Focamos muito nas estradas rurais, e tenho certeza que muito já melhoramos. Alargamento, reforma de bueiros, sarjetas, cascalhamento e boa conservação das estradas são prioridades absolutas. Inauguramos a obra de pavimentação com pedras irregulares de 5,4km, em parceria com o empresário Luis Antonio Chiapetta e Filhos. Iniciamos o cascalhamento com pedra britada, que melhora significativamente o rendimento dos trabalhos e a qualidade das estradas.  Recebemos importantes maquinários para melhor atender nossos agricultores, são aproximadamente R$ 2 milhões só nos 03 principais itens (uma moto niveladora nova, uma ensiladeira autopropelida e uma escavadeira hidráulica), além de um  novo micro-ônibus para a saúde e outro para o transporte escolar. A restauração da ERS-571, que embora é uma obra do governo do Estado, foi fruto de muita luta, articulação e união do executivo e legislativo de todos os partidos políticos do município. Concluímos o projeto de iluminação pública, hoje 100% da zona urbana é de LED, o que além de muito mais claridade, gera segurança e qualidade de vida, dura muito mais e representa economia aos cofres públicos que em breve vai ser repassada aos cidadãos através da redução da CIP-Contribuição para Iluminação Pública. Continuamos investindo pesadamente nas escolas municipais, todas receberam investimentos importantes, e a nossa AMAE, que pretendemos transformar em APAE, foi amplamente reformada. A cidade está bonita, fizemos mais asfaltos, mais calçamentos, mais passeios, mais flores, ampliamos o Videomonitoramento, e iniciamos as obras na praça, projeto que viemos trabalhando desde 2018, onde através de um projeto arquitetônico criaremos uma área comercial para funcionar o ano todo e também nas mateadas, modernizaremos a pracinha das crianças com brinquedos novos, muito bonitos e lúdicos, concluímos a academia de saúde e trocamos toda a grama da quadra sintética, que é utilizada praticamente todos os dias do ano, de forma gratuita pela nossa comunidade. Através da Inovachi (Incubadora Municipal de Empresas) e das escolas do município, estamos desenvolvendo vários projetos para aproximar nossos jovens do mercado de trabalho, que apresenta oportunidades mas carece de mão de obra qualificada e empreendedora. Na verdade podemos dizer que são muitas as melhorias, estamos publicando uma revista de prestação de contas a comunidade onde detalhamos melhor todas as principais ações desenvolvidas ao longo desse ano.

Quais as ações que o senhor gostaria de já ter executado, mas ainda não conseguiu?

Temos em mente um projeto habitacional que ainda não foi possível realizar. Já temos a área, adquirida ainda na gestão do ex-prefeito Osmar, fizemos a organização e individualização dos lotes, e temos buscado apoio do Governo Federal para a execução do projeto. Só que na verdade, desde 2018 o Governo Federal não iniciou mais nenhum projeto habitacional para a Faixa 1, que é o que desejamos, pois atenderia as famílias que possuem renda menor e por isso as que mais necessitam. Existem opções apenas para financiamento, onde as famílias tem que possuir uma renda mínima e atender exigências bancárias para tal, e pagar pelas moradias. Estamos bolando um formato híbrido, para debater com o legislativo e demais lideranças, para atender da melhor forma possível a demanda existente.

Qual a relação que o executivo estabeleceu com o legislativo? Esta relação tem sido satisfatória ao executivo?

Com o legislativo temos uma relação muito respeitosa, democrática e harmônica. Temos na Câmara de Vereadores as bancadas da situação e da oposição, e certamente várias divergências de ideias, assim como convergências. Sabemos que embora por vezes pensamos de maneira diferente, todos os edis de Chiapetta são pessoas honradas e bem intencionadas, e isso facilita e engrandece o debate. Nossos secretários são orientados a atender pedidos de todos os vereadores, independente da bancada, sempre que possível é claro, pois se é bom para as pessoas, é bom pra administração e é nossa obrigação assim proceder.  Quem ganha com essa harmonia é a comunidade, pois tem seus representantes trabalhando por melhorias em todas as áreas, ao invés daquela politicagem nociva e destruidora que já existiu em tempos passados e que não acrescentava em nada de bom para o município.

Quais as próximas ações previstas?

Temos muitos projetos, mas posso destacar o asfaltamento do trecho que liga a saída da cidade até o entroncamento com o Reassentamento Cristo Rei, num total de 5,1 km estrada vicinal mais movimentada do município, que além de servir para o escoamento da produção e abastecimento de insumos dos produtores das localidades adjacentes, leva até o Parque de Rodeios do CTG e a Cascata do Rio Buricá, nosso principal atrativo turístico. Aprovamos junto ao Ministério da Agricultura o recurso para a construção do abatedouro municipal, o qual deverá ser construído pela administração e delegado através de edital para a iniciativa privada operar. Estaremos lançando dois projetos voltados ao desenvolvimento econômico: o PEICHI (Programa de Empreendedorismo e Inovação de Chiapetta), que tem foco mais urbano visando a preparação e qualificação de jovens para empreender através da Incubadora Municipal bem como trabalhar junto as empresas locais, e o PIACHI (Programa de Impulsão Agropecuária de Chiapetta), focado no meio rural, o qual estabelecerá inúmeros benefícios aos produtores de todas as culturas existentes no município, visando a expansão da produção agropecuária, onde já posso adiantar que dentre os benefícios oportunizados daremos grande ênfase a irrigação. Também estamos com recursos na conta para realizar obras de ampliação do Hospital, que nesta pandemia mostrou mais ainda sua importância para a comunidade. São obras que permitirão qualificar ainda mais o atendimento dos serviços já existentes, e ampliar serviços. Estamos elaborando o projeto de engenharia para construção ainda em 2022 de um auditório para mais de 400 pessoas, junto ao atual calçadão da Escola Anchieta e do terreno municipal atrás da creche, o qual será custeado pelo Sr. Luis Antonio Chiapetta para atender demandas da Escola e demais eventos da comunidade, conforme desejado pelo patrocinador da obra. E quanto a habitação, que já citei anteriormente, pretendemos desenvolver um projeto que atenda a demanda atual. Dentre muitos outros projetos que estarão sendo apresentados…

Deixe uma mensagem aos munícipes, pela passagem do 56° aniversário.

Em meu nome e do vice-prefeito Jorge, que tem se destacado pela lealdade, companheirismo e comprometimento com a comunidade e com o bom andamento dos serviços públicos, quero agradecer a todos pela confiança de estarmos a frente do Poder Executivo deste município onde sempre moramos, o que nos enche de orgulho. Chiapetta tem uma linda história, desde a criação da vila, passando pela emancipação até chegar aos dias atuais, e se destaca por ser uma das cidades mais organizadas e prósperas da região, e nos sentimos honrados de fazer parte desta história. Temos muitos sonhos, pelos quais lutamos diariamente para conquistar, sempre visando o melhor para o nosso povo, damos todos os dias o melhor de nós, sendo falhos como todo o ser humano, mas pedindo a Deus muita unção, luz e sabedoria para termos as atitudes e decisões acertadas. Este ano, novamente, não poderemos fazer muitas festividades em comemoração aos 56 anos de emancipação, mas isso não é o principal, festa a gente faz quando puder, o mais importante é mantermos um município próspero, pacífico, abundante em produtividade e desenvolvimento, onde o povo tem oportunidades e muita qualidade de vida, com serviços diferenciados na saúde, assistência social, educação, agricultura… com segurança, lazer e entretenimento. Parabéns a toda a comunidade de Chiapetta, pelos seus 56 anos, que se completam neste 15 de Dezembro. Contem sempre com a gente!

Para participar do grupo de WhatsApp do jornal O Celeiro clique aqui.

error: Content is protected !!